Categorias
Uncategorized

O dia em que a Terra parou!

Sim, estou falando da famigerada epidemia de Coronavírus ☹️

Aviso para futuros leitores (do futuro): este texto foi escrito em meio à pandemia do COVID-19 quando o governo suspendeu diversas atividades e orientou à população que ficasse em casa.

Estávamos começando a nos empolgar com a Volta do Quadrado marcada para daqui a um mês e vamos ter que pensar em outra data.

Ainda há um pouco de esperança. Se o isolamento funcionar muito bem nas próximas duas semanas, talvez algumas atividades sejam retomadas. Quem sabe? “o futuro a Deus pertence!” agora mais do que nunca uma grande verdade da sabedoria popular.

Vou aproveitar para encher o blog com alguns posts genéricos e dar um “tapa” no visual. Não pretendo mudar muita coisa, afinal a vantagem de utilizar o wordpress é que ele já vem meio pronto.

Bem, duas semanas não é tanto tempo assim. Logo saberemos novas informações. Espero que sejam boas! E como diria o ceguinho: “Veremos!” 😝

Categorias
Diversos

Começando um blog em 2020

Olá, mundo!

Por que eu resolvi começar um blog à esta altura do campeonato?

Porque eu gosto de escrever. Simplesmente por isso. Claro que há uma história e um contexto, então segue a resenha:

Tudo começou há pouco mais de dez anos no fórum do Clube XT600. Na época os fóruns eram o principal ponto de encontro virtual que existia. Ali era o lugar onde as pessoas trocavam mensagens, postavam fotos e publicavam relatos de viagem.

Eu comecei a participar no intuito de fazer amizade com outras pessoas que gostavam de moto. Achava muito bacana alguém fazer um convite aberto para um passeio de fim de semana sem se importar com quem fosse aparecer. Claro que a temática do fórum atraía principalmente proprietários da marca Yamaha e suas famosas motos de aventura, mas havia todo tipo de gente ali. E, por sorte, era do melhor tipo: pessoas de bem com a vida que gostavam de compartilhar um hobby.

Aprendi a escrever relatos de passeios de viagem lendo os textos de outros “moto-escritores”. Alguns possuíam seu próprio blog, mas eu era vidrado mesmo com o fórum.

Depois, com o advento de novas tecnologias, a turma começou a dispersar. Era natural que acontecesse, mas me incomodava não haver um espaço pra registrar os eventos mais importantes.

Procurei fóruns e sites diversos pra publicar minhas histórias. Foi quando resolvi juntá-las todas no meu site e só então percebi que bastava eu ter feito meu próprio blog há muito tempo!